Chilavert se rende ao talento de Rogério Ceni: “Um dos melhores goleiros da história do futebol”

Ex-goleiro paraguaio perdeu o posto de arqueiro-artilheiro para o ex-atleta do São Paulo

Segundo maior goleiro artilheiro da história do futebol, o ex-jogador Chilavert, conhecido como “El Bulldog”, é o convidado dessa semana do programa ‘Aqui com Benja‘, do ‘Fox Sports’, e não se intimidou ao elogiar Rogério Ceni.

Ao todo, o paraguaio marcou 60 gols durante sua trajetória no mundo da bola, enquanto Rogério Ceni balançou as redes 131 vezes.

Rogério Ceni foi o melhor tiro livre do mundo, um dos melhores goleiros da história do futebol“, disse.

Durante a entrevista, Chilavert também contou histórias de gols inesquecíveis e foi enfático quanto à sua personalidade marcante.

Precisa ter confiança. O goleiro para sair e bater falta livre, precisa lidar bem com a palavra pressão. O que é pressão? Pressão tem o pai e a mãe que não tem o que dar de comer a seus filhos. Os jogadores são privilegiados e não entra em minha cabeça que jogadores cometam horrores sendo profissionais“, alfinetou o ex-arqueiro, que foi três vezes eleito melhor goleiro do mundo pela Federação Internacional de História e Estatísticas do Futebol (IFFHS) – anos de 1995, 1997 e 1998.

Eternizado na seleção paraguaia com direito à sua tradicional camisa estampada com um bulldog, Chilavert explicou a imagem do cão.

O bulldog tem aparência séria, dura, com muita personalidade e é uma raça nobre. Sou muito bom com as pessoas, mas não me moleste“. Sobre sua atuação, lamentou apenas não ter conquistado um mundial: “Me faltou ser campeão do mundo pelo Paraguai“, afirmou.

Na Copa de 1998, disputada na França, o Paraguai foi eliminado pelos donos da casa por 1 a 0, gol sofrido nos minutos finais da prorrogação. A equipe foi uma das sensações do torneio, com um futebol competitivo e uma defesa quase que impenetrável. Hoje, a seleção sul-americana luta para voltar a viver seus melhores dias. E Chilavert aponta os erros atuais de sua seleção.

Vestindo a camisa da seleção paraguaia durante as eliminatórias para a Copa do Mundo de 2002, Chilavert ficou marcado pelo episódio de uma cusparada no então jogador brasileiro Roberto Carlos e voltou a falar sobre o ocorrido. O Aqui com Benja inédito com Chilavert vai ao às 00h15 de sábado para domingo no canal Fox Sports.

NÚMEROS DE ROGÉRIO CENI NO SÃO PAULO

Em 25 anos como atleta profissional do Tricolor, o goleiro entrou em campo em 1237 vezes e se tornou o recordista absoluto dentro do clube como o atleta que mais vezes jogou por um mesmo time em todo o mundo.

Ao longo de toda a sua carreira, Rogério Ceni somou 131 gols, 62 de falta e 69 de pênalti, além de um de bola rolando, todos eles distribuídos contra diversos times

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.

O Meu Tricolor usa Cookies para aperfeiçoar a experiência dos leitores. Aceita continuar? Aceito Leia mais