Diniz vê São Paulo abaixo, lamenta eliminação e diz: “Não estou preocupado em ter paz”

Treinador não escondeu a frustração com o desempenho do Tricolor na eliminação para o Mirassol

Após a confirmação da derrota do São Paulo por 3 a 2 para o Mirassol, em que culminou na eliminação do Tricolor do Campeonato Paulista 2020, o técnico Fernando Diniz afirmou que não gostou do desempenho da equipe.

Nesta volta do futebol no estado após quatro meses de paralisação, o São Paulo acumulou a segunda derrota por 3 a 2 – antes tinha sofrido o mesmo resultado para o RB Bragantino – e ganhou do Guarani por 3 a 1.

Após o apito final, o comandante do Tricolor lamentou o desempenho abaixo da equipe e diz que agora é hora de acertar os erros para as disputas de Brasileirão e Copa do Brasil.

A gente não devia ter perdido em casa, não conseguiu fazer o que tinha que fazer. Fomos penalizados, foram três chutes no gol (do Mirassol), méritos do Mirassol. Temos que corrigir, a gente não voltou como terminou“, afirmou Diniz ao canal Premiere.

Questionado se temia pelo cargo com a eliminação, Diniz declarou não estar preocupado em “ter paz” neste momento do clube do Morumbi.

Não estou preocupado em ter paz, mas em trabalhar. Tem que saber sofrer, aprender com a derrota, não ficar lamentado“, lamentou.

Com a eliminação no Paulistão 2020, o São Paulo somente volta a campo no próximo dia 9 de agosto contra o Mirassol, no Serra Dourada, em jogo de estreia do Campeonato Brasileiro 2020.

FICHA TÉCNICA
SÃO PAULO 2 X 3 MIRASSOL

Local: Morumbi, em São Paulo (SP)
Data: 29 de julho de 2020, quinta-feira
Horário: 19h00 (de Brasília)
Árbitro: Flavio Rodrigues de Souza
Assistentes: Marcelo Van Gasse e Anderson José de Moraes
VAR: Rodrigo Guarizzo do Amaral
Cartões amarelos: Bruno Alves (São Paulo); Zé Roberto (Mirassol)

GOLS:
Mirassol: Zé Roberto (19 e 31 minutos do 1º tempo), Daniel Borges (34 minutos do 2º tempo)
São Paulo: Pablo (35 minutos do 1º tempo) e Vitor Bueno (36 minutos do 1º tempo)

SÃO PAULO: Tiago Volpi; Juanfran (Igor Vinícius), Arboleda, Bruno Alves (Everton) e Reinaldo; Tchê Tchê (Paulinho Boia), Daniel Alves e Igor Gomes (Hernanes); Pablo, Pato (Helinho) e Vitor Bueno.
Técnico: Fernando Diniz

MIRASSOL: Kewin; Daniel Borges, Renie, Danilo Boza, Moraes; Alison, Eduardo (Lucas Vital), Kauan (Matheus Rocha); Juninho (Wellington), Zé Roberto (João Arthur) e Bruno Mota (Vinicius).
Técnico: Ricardo Catalá

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.

O Meu Tricolor usa Cookies para aperfeiçoar a experiência dos leitores. Aceita continuar? Aceito Leia mais