Ex-São Paulo, Centurión revela que pensou em suicídio após tragédia na vida pessoal

Atacante perdeu a namorada há quase três meses em um trágico acidente de carro na Argentina

O atacante Ricardo Centúrion, ex-São Paulo e, atualmente, no Vélez Sarsfield, da Argentina, viveu um terrível drama com a perda da namorada Melody Pasini, no fim de março, em trágico acidente de carro e pensou em tirar a própria vida.

Em entrevista à ‘TyC Sports’, da Argentina, o atleta de 27 anos falou sobre como tem lidado com o drama pessoal e revelou que os golpes duros o fizeram pensar em dar um fim na vida.

Os golpes foram muito rápidos, e se eu não me levantasse depois de dois dias, acho que terminaria com a minha vida. Mas não era o meu momento”, revelou.

A namorada de Centurión, Melody Pasini, de 25 anos, morreu após sofrer um infarto e bater o carro quando dirigia rumo a casa se seus pais, em Banfield, na capital Bueno Aires, no dia 29 de março.

É inexplicável, estou vivendo um sonho. Sei que a realidade é essa, tenho que me levantar e continuar. Vendo minha mãe, minha irmã, pude frear e pude me reunir. Caso contrário, tudo estaria indo para o inferno”, finalizou o jogador.

Melody tinha um histórico de problemas cardíacos e teria passado por duas cirurgias no coração. Autodeclarada torcedora do Racing, onde Centurión estourou profissionalmente, ela acompanhou o jogador em sua passagem pelo São Paulo e chegou a posar usando a camisa do time brasileiro.

VEJA PUBLICAÇÃO NA NAMORADA DE CENTURIÓN NO MORUMBI:

 

Ver essa foto no Instagram

 

✌️🔴⚪️⚫️

Uma publicação compartilhada por MELODY PASINI♡ 🇦🇷 (@melpasini) em

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.

O Meu Tricolor usa Cookies para aperfeiçoar a experiência dos leitores. Aceita continuar? Aceito Leia mais