Muricy diz que derrota para o Mirassol é inaceitável e manda recado a Fernando Diniz

Treinador tricampeão brasileiro pelo Tricolor pediu um pouco de paciência com Diniz

Após a eliminação do São Paulo para o Mirassol no Campeonato Paulista 2020, o técnico Fernando Diniz passou a ver seu nome questionado por torcida e até imprensa por não ter nenhum resultado significativo e ganhou apoio de Muricy Ramalho.

Durante o Seleção SporTV, o ex-treinador tricampeão brasileiro pelo Tricolor afirmou que o time precisa de ajustes para a sequência da temporada, mas ainda se diz defensor do trabalho de Fernando Diniz.

Tem que sentir mesmo essa derrota, porque, com todo respeito ao Mirassol, não dá para aceitar. (…) Claro que a gente tem que olhar para o outro lado, que o São Paulo, hoje, tem uma ideia de jogo. Isso é importante. Por isso que eu defendo o Diniz. Agora, claro que tem que ter alguns ajustes, e ele sabe disso. É uma coisa natural. Você não pode, dentro da sua casa, tomar seis gols. Você não consegue ganhar assim. Tem que ter um equilíbrio. A palavra ‘atacar’, tudo bem, mas tem a outra parte. Tem que defender também. Saber balancear um pouquinho“, argumentou.

O ex-treinador ainda alertou que Diniz e sua comissão técnica precisam buscar uma estratégia para suprir a falta de explosão física dentro de campo.

Isso está acontecendo com o São Paulo: quando perde a bola, é o grande problema. Por quê? Porque não dá para pressionar com a condição física que o São Paulo tem agora, porque voltou a treinar há pouco tempo. O Diniz tem que rever algumas coisas, e com certeza ele está revendo, porque não é possível que ele sente com a sua comissão técnica e pense que está tudo certo“, completou Muricy.

O São Paulo estreia no Campeonato Brasileiro neste domingo (9), às 16h, contra o Goiás.

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.

O Meu Tricolor usa Cookies para aperfeiçoar a experiência dos leitores. Aceita continuar? Aceito Leia mais