Muricy nega conversas com candidato à presidência do São Paulo para retornar em 2021

Ex-treinador diz estar feliz no SporTV e classificou a história como desrespeitosa com Raí, Pássaro e Lugano

Considerado um dos maiores técnicos da história do São Paulo, Muricy Ramalho, hoje, está aposentado dos gramados, porém, não esconde o desejo de voltar a viver o ambiente do futebol como um coordenador técnico no Tricolor. Só que não há nada engatilhado para confirmar o retorno.

Em entrevista ao programa “Jogo Aberto”, da TV Bandeirantes, o ex-treinador falou do momento do São Paulo em meio à pandemia do coronavírus e sobre as eleições que se aproximam com Marco Aurélio Cunha e Julio Casares como prováveis candidatos.

Fui para Barcelona fazer um curso em relação a coordenação técnica. Se um dia eu tiver a oportunidade de voltar para o futebol vai ser por aí. Eu sei que não vai ser agora porque tenho um contrato e por ter uma eleição no São Paulo agora. Acredito que os candidatos, Casares e o Marco, são grandes pessoas e o que ganhar está muito bem feito. O São Paulo precisa mudar em muitas coisas e quem ganhar vai conseguir cuidar bem do clube“, revelou.

Casares, inclusive, afirmou ver Muricy Ramalho trabalhando em sua equipe no São Paulo caso vença as eleições. É o indicio de um acordo de volta? O comentarista do SporTV negou qualquer conversa já que Raí, Alexandre Pássaro e Diego Lugano são os homens fortes do futebol do Tricolor.

Agora, falar que eu vou trabalhar no São Paulo, também não é legal, porque tem o Raí, tem o Lugano trabalhando lá e não seria legal da minha parte. Eu tô feliz com o que estou fazendo atualmente“, explicou.

A especulação sobre o retorno de Muricy ao Morumbi se deu após entrevista de Julio Casares ao “Canal do Nicola”, no Youtube. O candidato à presidência do São Paulo não escondeu o carinho e desejo de contar com o ex-treinador na gestão do futebol do São Paulo

O Muricy, além de ser um amigo pessoal, é um profissional de maior qualidade, que eu tenho o maior respeito. Quem não gostaria de ter o Muricy? Eu acho bem possível, é claro que nós precisamos conversar, nunca falamos a respeito disso, não é o momento, mas eu vejo com bons olhos“, destacou.

Eu tenho quase convicção de que o Muricy integrará o nosso time de coordenação técnica e acho que o Muricy, no momento oportuno, nós vamos conversar, até porque, hoje, ele é um cronista importante, quero saber as prioridades dele. Isso é uma coisa que precisa se discutir objetivamente, mas não tenha dúvida que ele faz parte da nossa agenda“, completou.

ASSISTA AO VÍDEO DA ENTREVISTA DE MURICY RAMALHO AO JOGO ABERTO:

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.

O Meu Tricolor usa Cookies para aperfeiçoar a experiência dos leitores. Aceita continuar? Aceito Leia mais